quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Mapas digitais ajudam historiadores

Agora os historiadores contam com uma ferramenta nova, que pode ajudar. Uma nova geração de mapas digitais deu lugar a um campo acadêmico chamado de humanidades espaciais. Historiadores, teóricos literários, arqueólogos e outros vêm usando o Geographic Information Systems, um software que exibe e analisa informações relacionadas a um local físico, como a região do "Dust Bowl" nos Estados Unidos, devastada por tempestades de areia durante a Grande Depressão, ou as tavernas do bairro londrino de Eastcheap, cenário das farras de Falstaff, personagem que aparece em peças de Shakespeare. O mapeamento de informações espaciais permite que você veja padrões e informações que são literalmente invisíveis", disse Anne Kelly Knowles, geógrafa do Middlebury College, no Vermont. Além disso, ele acrescenta camadas de informações a um mapa, que podem ser tiradas ou adicionadas de várias maneiras. Com o clicar de um mouse é possível ver o mesmo lugar ao longo do tempo.


Endereço: http://www.gis.com/

Fonte: Folha.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário