sábado, 30 de julho de 2011

Vocês conhecem o Bohemian Grove?


Estava assistindo ao programa Decifrando Códigos do canal History e passou um episódio que me chamou bastante atenção sobre uma sociedade secreta chamada Bohemian Grove nos EUA e que reune os homens mais poderosos do mundo, a cada ano eles se encontram para adorar uma coruja gigante na floresta, se vestir de mulher em peças de teatro e fazer uma fogueira para esquecer seus problemas...estranho né!

Vamos entender melhor essa história. O Bohemian Grove é um acampamento de 2.700 acres localizado em Bohemian Avenue 20.601 em Monte Rio na Califórnia, pertencente a um clube privado de homens sediado em São Francisco conhecido como Bohemian Club. Em meados de Julho de cada ano, o acampamento Bohemian Grove hospeda por três semanas alguns dos homens mais poderosos do mundo (inclui muitos artistas, em particular músicos, bem como muitos líderes de negócios, oficiais de governos, inclusive alguns ex presidentes dos EUA). Essa Sociedade existe desde 1899 e como uma medida da exclusividade do clube, o sócio é informado que a lista de espera é de 15 para 20 anos, embora a curto prazo, o processo de sócio de três anos seja possível. Uma taxa de iniciação de 25000 dólares é cobrada, além da taxa de sócio anual.

Desde a fundação do clube, o mascote do Bohemian Grove é uma coruja que simboliza o conhecimento (uma estátua de 12 m, oca feito de concreto sobre o aço à cabeceira do lago no Bosque) ela funciona como um Santuário para a cerimônia "Cremation of Care" (“Cremação anual do Cuidado”) onde eles simbolicamente queimam seus problemas e os do mundo. O santo patrono do Clube é João Nepomuceno que segundo a lenda diz que preferiu a morte sofrida nas mãos de um monarca Boêmio, a revelar os segredos confessionais da rainha. Existe no local uma grande estátua do santo em mantos clericais com o seu índicador a tocar por cima dos seus lábios, simbolizando o segredo guardado pelos visitantes do Bohemian Grove e da sua longa história.

O programa Decifrando Códigos tentou invadir o local mais não obteve êxito, porém conversaram com três pesquisadores: uma mulher que mora vizinho ao local (que guardou uma série de documentos desde 1985 sobre a programação do evento e os cartazes) e dois historiadores que fizeram uma tese de doutorado sobre o Bohemian Grove. Segundo eles muitas decisões políticas importantes são decididas nesses encontros . Em especial um famoso Projeto de Manhattan que planejou uma reunião que se realizou em Setembro de 1942, que posteriormente levou à bomba atômica. Os que assistem a esta reunião, à parte de Ernest Lawrence e funcionários militares, incluíram o presidente de Harvard e representantes do “Standard Oil” e “General Electric”. Os Bohemian Grove têm um determinado orgulho neste evento e muitas vezes contam a história aos novos sócios.

O local é bastante vigiado e a entrada é proibida, somente um homem, um jornalista de rádio, conseguiu burlar a segurança e se misturou aos demais durante um ritual de cremação, as gravações dessa noite vocês podem assistir na postagem acima.

Tirando todas as ideias de conspirações secretas que são bastante clichês no que diz respeito a esses grupos, não podemos deixar de admitir que é uma sociedade bastante intrigante e merece nossa atenção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário